Depois de anunciar melhorias, VPT quer aumento na tarifa

Depois a apresentar um “pacote de bondades” ao prefeito de Americana, a VPT (Viação Princesa Tecelã) agora quer reajustar a tarifa.

Sob risco de perder a concessão por descumprimento de contrato, a concessionária do transporte urbano recentemente publicou uma carta de intenções de melhorias e adequações.

Agora, a empresa pede que a tarifa seja reajustada em mais de 33%. A VPT propôs tarifa de R$ 4,17 – atualmente o passageiro paga R$ 3,50 por viagem.

De acordo com a empresa, “a cláusula 7 do contrato de concessão, que prevê reajuste anual da tarifa o que não ocorreu desde o inicio da atual concessão”.

Ainda segundo a VPT, “a empresa apresentou ao poder municipal uma planilha com o aumento dos itens que mais impactam nos custos operacionais, como óleo diesel, reajustes salariais e no preço dos veículos. No pedido, a Princesa Tecelã reforçou a necessidade do reajuste para cobrir os constantes prejuízos registrados ao longo dos últimos anos devido ao valor da tarifa não ser compatível com os custos da operação”.